IMG_6052
Diário de Bordo

Que dia é hoje?

Por on 30 de julho de 2017

Se é segunda, quinta ou sábado..tanto faz! Quantas vezes já me perdi no tempo, e que bom que é se sentir assim. Mas os domingos são diferentes, dificilmente passam despercebidos. A vibração é outra. Há menos carros, as pessoas estão mais calmas e há um clima gostoso que eu não lembrava mais como era vivendo em SP ou no Rio.

Saí pra pedalar desde Puno num domingo bem domingo: acordei sem despertador, tomei café da manhã sem pressa e fui viajar em ritmo de ciclofaixa.

Era um dia ensolarado e fui presenteado com um asfalto novo ainda não inaugurado exclusivo para mim. Parei para fotografar, tomar café e sentir aquele dia tão gostoso.

Decidi fazer um trajeto curto e ir até Juliaca (uns 50 e poucos kms de viagem sem subida), mas não gostei da cidade e segui adiante.

Eu buscava um lugar para acampar na natureza, mas também não achei nada interessante pois estava muito perto do movimento de cidade grande.

Vi um posto de gasolina em construção e fui conferir. Não havia ninguém e então fui olhar nos fundos. Cerca de 20 pessoas viviam um belo dia de domingo em família. Crianças, adolescentes, adultos e idosos jogavam vôlei numa quadra improvisada com rede e tudo.

As mulheres jogavam com as típicas roupas de “Cholas” e os homens com chapéus. O jogo parou quando eles me viram e fiquei até sem graça. Primeiro me disseram que eu não poderia ficar. Quando eu estava indo embora a Marisa veio e disse que eu poderia acampar do lado de fora, na área do posto. Agradeci e quando ia pra preparar o acampamento ela voltou e disse que eu poderia ficar lá dentro.

Eles me serviram batatas e um suco de quinoa. Depois pedi permissão para jogar com eles. Foi muito divertido! Haviam umas regras internas e o jogo nao tinha muito padrão. Tinha apenas que fazer a bola cair no chão do outro lado. Os pontos eram marcados com pregadores de roupa na rede.

O Elber “mora” na obra e todos os outros foram passar o domingo com ele.

As crianças da foto, curiosas, me ajudaram a armar a barraca. Depois que todos se foram, dividi minha comida com o Elber e pela manhã ele me preparou chá.

Na segunda-feira me despedi com um abraço e com a alegria de ter, depois de muito tempo, vivido um domingo em família.

TAGS
POSTS RELACIONADOS

ADORAMOS COMENTÁRIOS, DEIXE O SEU!

Isra 🇧🇷
Santos - SP

Jornalista, Israel Coifman é paulista de Santos e tem 34 anos. A paixão pelo esporte levou-o à profissão e o trabalho lhe apresentou o mundo. Passou por empresas como MTV, ESPN e Mowa Sports e por seis anos rodou o planeta cobrindo a seleção brasileira de futebol. Começou como freelancer e foi editor, repórter, produtor, videomaker, diretor de fotografia e deixou a função de head de video da agência Mowa Sports para ir atrás de um sonho genuinamente seu: viajar o mundo de bicicleta.

Últimos Posts
Like us on Facebook
Publicidade